Edição 868 – 27/12/2017

Demonstrativo Financeiro Mensal – Novembro/2017


Sinal-DF Informa de 27/12/2017

S I N A L – REGIONAL BRASÍLIA
Demonstrativo Financeiro
COMPARATIVO out/17 nov/17
0 – Receita Operacional Bruta – Bacen e Centrus (100%) e filiados especiais 225.106,82 224.516,98
0.1 – Retenção efetuada pelo Sinal Nacional (50%) + filiados especiais (112.553,41) (112.258,49)
0.2 – Parcela Destinada ao Sinal – DF (50%) Conforme Art. 9o, § 4o do Estatuto do Sinal 112.553,41 112.258,49
1 – Receitas Operacionais 107.178,71 106.913,99
1.1 – Contribuições de filiados 112.553,41 112.258,49
Contribuições BACEN – 50% Regional 108.468,72 108.090,51
Contribuições CENTRUS – 50% Regional 3.990,42 3.990,42
Contribuições de FILIADOS ESPECIAIS – 50% Regional 94,27 177,56
1.2 – Receitas Eventuais 252,97 268,42
Recuperação/Ressarcimento de Despesas 252,97 268,42
1.3 – Deduções da Receita Bruta (5.627,67) (5.612,92)
5% Reserva p/ Contingência (5.627,67) (5.612,92)
2 – Despesas Operacionais   131.609,21 94.943,15
2.1 Pessoal 33.791,99 34.270,12
Salários 9.358,25 7.905,48
Férias 3.205,16
INSS 4.271,50 4.013,30
FGTS 1.339,60 1.649,10
PIS s/ Folha de Pagamento 167,25 157,38
Assistência Médica 5.546,22 4.841,37
Vale Refeição 3.866,65 4.856,65
Vale Transporte 834,46 690,12
Horas Extras 777,72
Descanso Semanal Remunerado 520,35    –
Adic Tempo Serviço – Anuênio 2.484,65 2.326,22
Previdencia Privada 1.041,69 1.041,69
Comissões 3.583,65 3.583,65
2.2 – Instalações 5.901,77 5.611,72
Aluguel de Bens Imóveis 1.260,00 1.260,00
Condomínio 1.782,30 1.782,30
Energia Elétrica 544,94 728,77
Depreciação s/Bens Móveis 1.736,66 1.270,03
Material de Limpeza 25,20 17,95
Depreciação s/Bens Imóveis 552,67 552,67
2.3 – Funcionamento 4.497,65 4.901,50
Telefone Convencional 322,79 322,76
Telefones Celulares 2.027,48 2.384,72
Internet 509,58 510,47
Correios e Malotes 3,50   –
Conduções e Transportes 435,00 68,00
Viagens – Alim/Telef/Condução 580,00
Alimentação 753,40 595,65
Locação Equipamentos/Salas 400,00 400,00
Pedágios e Estacionamentos 14,00 28,00
Fretes e Carretos 31,90 11,90
2.4 – Administrativas 14.410,48 907,66
Material de Escritório 88,10
Despesas Judiciais  – 548,77
Brindes Natalinos 14.000,00
Cantina, Copa e Cozinha 317,48 270,79
Despesas Diversas 12,00
Patrocínios 81,00
2.5 – Serviços de Terceiros Especializados 21.691,94 21.455,99
Assessoria Jurídica 8.219,25 8.219,25
Assessoria Contábil 1.875,00 1.875,00
Assessoria Sindical 10.755,00 10.755,00
Prestação Serv Terc Pes Física 674,16 505,62
INSS – Terceiros 168,53 101,12
2.6 – Despesas Com Dirigentes 22.255,34 22.255,34
Remuneração do Presidente Regional 12.300,33 12.300,33
Representações (Verbas para Diretores Regionais), conforme votação eletrônica de 31/8/2011 e  Ata de Reunião Ordinária do CR-DF-006/2011 de 21/9/2011 9.955,01 9.955,01
2.7 – Despesas  Financeiras 251,62 293,22
Despesas Bancárias 250,25 293,22
Juros e Multa de Mora 1,37    –
2.8 – Campanha Salarial 4.839,88 3.497,60
Alimentação 2.591,18 1.352,60
Locação de Moveis e Equipamentos 1.000,00 2.145,00
Material de Consumo 39,20
Materiais de Expediente/Fotocópias 1.209,50
2.9 – Outros Eventos 23.968,54 1.750,00
Homenagens e Comemorações 23.968,54 1.750,00
3 – Resultado Operacional = (1 – 2)  (24.430,50) 11.970,84
4 – Resultado Financeiro  17.505,84 15.099,15
Rendimentos de Aplicações Financeiras 17.505,84 15.099,15
5 – Resultado Operacional e Financeiro = (3 + 4) (6.924,66) 27.069,99
6 – Ajustes no Período (adequação do regime de competência para caixa) 10.602,28 (4.929,44)
Créditos a Receber e Bens  4.283,62 (10.948,90)
Adiantamentos Concedidos a Funcionários   – (11.046,45)
Adiantamentos Concedidos ao Sinal Nacional 3.815,72 97,55
Custas Judiciais Antecipadas 467,90
Obrigações e Patrimônio Social   6.318,66 6.019,46
Obrigações Trabalhistas e Tributárias 690,82 406,37
Reserva para Contingência a Destinar 5.627,67 5.612,92
Outras Obrigações 0,17 0,17
7 – Bens do Ativo Imobilizado 2.360,49 3.485,15
Aquisição de Bens (1.607,12)
Baixa de Bens 1.899,90 1.899,90
Depreciação de Bens 2.067,71 1.585,25
8 – Resultado Operacional e Financeiro
Ajustado = (5 + 6 + 7)
6.038,11 25.625,70
9 – Disponibilidades Anteriores 2.717.450,12 2.723.488,23
10 – Disponibilidades Finais = (8 + 9) 2.723.488,23 2.749.113,93
Banco do Brasil 0,00 0,00
Banco do Brasil-RF CP 50 MIL 156.051,75 167.181,32
Banco Santander  – Conta Corrente 589,08 589,08
Banco Santander – Aplic.Fundo Premiuncredi 2.096.087,49 2.107.833,23
Aplicação Forte RDC – Cooperforte 469.962,86 472.303,29
Fundo de Caixa 797,05 1.207,01

Prezados (as) colegas,

O presente demonstrativo, relativo ao mês de novembro de 2017, é um relatório financeiro gerencial que tem o objetivo de informar nossas disponibilidades no início do período, os ingressos havidos e as despesas realizadas no mesmo, resultando nas “Disponibilidades Finais” apresentadas.

Quanto às receitas operacionais, consideradas todas as contas de receitas, houve decréscimo de 0,2%, causada, principalmente, por ajustes em lançamentos de contribuições feitas pelo Depes na folha de pagamento, que apresentou queda de 0,3% (6 desfiliações líquidas mês anterior), e foi parcialmente compensada por recuperação de despesas. O quadro de filiados, que em out/2017 totalizava 1.468 associados, apresentou a seguinte movimentação em novembro: 13 desfiliações e 4 filiações, perfazendo 9 desfiliações líquidas que terão impacto financeiro somente em dez/2017. Portanto, em novembro, o efetivo total foi de 1.459 filiados.

As receitas financeiras apresentaram decréscimo de 13,7%, explicado, parcialmente, pelo decréscimo de 11,77% na taxa CDI de novembro (0,5674%), comparada a outubro (0,6431). As aplicações financeiras apresentaram o seguinte quadro: 6,08% das disponibilidades (referentes ao excesso de caixa) no Banco do Brasil, Fundo RF DI 50 Mil, que apresentou rentabilidade de 0,4870%, correspondente a 85,83% da taxa CDI média de novembro; 17,18% das disponibilidades na aplicação Forte RDC – Recibo de Depósito Cooperativo da Cooperforte, apresentou rentabilidade de 0,4980, correspondente a 87,77% da taxa CDI média de novembro; enquanto que o Fundo Santander FIC YIELD VIP REF DI CP, onde está aplicada a maior parte de nossos recursos (76,67%), apresentou rentabilidade de 0,5604%, perfazendo uma remuneração de 98,76% da taxa CDI média mensal de novembro (0,5674%).

As despesas operacionais tiveram decréscimo de 27,9% em novembro, explicado, pela redução apresentada nos seguintes grupos: Despesas Administrativas, decréscimo de 93,7%, devido, principalmente, a não ocorrência de gastos com brindes de aniversário do Sinal para filiados; Despesas com Campanha Salarial, decréscimo de 27,7%, devido, principalmente, à redução de gastos com assembleias e pela não ocorrência de confecção de material gráfico no período; Despesas com Outros Eventos, decréscimo de 92,7%, que foi a redução mais significativa de todas, deveu-se, principalmente, à não ocorrência de gastos com jantar em comemoração aos 29 anos do Sinal, como havia ocorrido no período anterior.

Os grupos de contas que apresentaram acréscimos relevantes foram: Despesa com Pessoal, acréscimo de 1,4%, devido, principalmente, ao pagamento das férias de um dos colaboradores e reajuste do ticket alimentação dos funcionários, retroativo a setembro; Despesas de Funcionamento, acréscimo de 9%, devido, principalmente, ao gasto com passagem, hospedagem e alimentação de um conselheiro, por sua participação em reunião do Conselho Nacional.

Os demonstrativos contábeis (Razão Analítico – Nível 5 e Balancete Mensal) e as notas fiscais estão disponíveis para consulta, em área restrita a filiados. O Sinal-DF terá grande satisfação em esclarecer dúvidas e apreciar sugestões oferecidas pelo e-mail sinaldf@sinal.org.br.

Atenciosamente,

Rita Girão Guimarães               Gregório Alberto Saiz Lopes
Presidente Regional                  Diretor Financeiro

Filie-se ao Sinal, juntos somos mais fortes.

1.460 filiados em Brasília

Edições Anteriores
Domingo, 22 de Abril de 2018
shadow