Edição 27 – 07/02/2018

Papel de servidores públicos no processo eleitoral é tema de debate na Câmara dos Deputados


O engajamento dos servidores públicos no processo eleitoral de 2018 foi tema de debate promovido pela Pública – Central do Servidor nesta terça-feira, 6 de fevereiro. Parlamentares, lideranças sindicais e especialistas das áreas política e jurídica se alternaram à mesa. Daro Piffer, diretor de Estudos Técnicos, e Epitácio Ribeiro, diretor de Relações Externas do Sinal, estiveram presentes no evento, que ocorreu na Câmara dos Deputados.

As discussões tiveram como foco a necessidade de mobilização por parte da categoria em todo o país, como forma de reverter a agenda de ataques sistemáticos à qual está submetida atualmente. “Os servidores precisam se organizar para preencher as cadeiras do Congresso com parlamentares que estejam coadunados com a importância do serviço público”, observou Daro.

Segundo Antônio Augusto de Queiroz, diretor de documentação do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap), é fundamental que haja “unidade de ação da classe trabalhadora”, com o objetivo de “renovar quadros, tanto de maneira quantitativa quanto qualitativa”.

O papel do Parlamento na defesa dos interesses e demandas populares também teve espaço no ambiente de diálogo. “Por vezes, o que se discute nesta Casa é uma agenda de privatizações que nós sabemos a quem bem interessa. Por isso, é importante esta conscientização cidadã dos servidores, também de modo a contribuir com a superação das enormes desigualdades existentes”, ponderou o ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral, Joelson Dias.

Reforçando o chamado aos servidores a integrarem seus coletivos no debate eleitoral, o deputado Weliton Prado (PROS/MG) citou um pensamento de Platão. “Não há nada de errado com aqueles que não gostam de política, simplesmente serão governados por aqueles que gostam”, argumentou.

O presidente da Pública, Nilton Paixão, aproveitou a ocasião para convocar o funcionalismo de todas as esferas de poder a engrossar a jornada de lutas contra a reforma previdenciária, que ocorre nas cinco regiões do país no próximo dia 19 de fevereiro.

Assista ao debate completo na página da TV do Servidor no Facebook.

Edições Anteriores RSS