Edição 970 – 20/12/2018

Demonstrativo Financeiro Mensal – Novembro/2018


S I N A L – REGIONAL BRASÍLIA
Demonstrativo Financeiro
 
COMPARATIVO out/18 nov/18
0 – Receita Operacional Bruta – Bacen e Centrus (100%) e filiados especiais 229.891,36 229.911,94
0.1 – Retenção efetuada pelo Sinal Nacional (50%) + filiados especiais (114.945,68) (114.955,97)
0.2 – Parcela Destinada ao Sinal – DF (50%) Conforme Art. 9o, § 4o do Estatuto do Sinal 114.945,68 114.955,97
  109.198,40 109.208,17
1.1 – Contribuições de filiados 114.945,68 114.955,97
Contribuições BACEN – 50% Regional 110.493,35 110.503,64
Contribuições CENTRUS – 50% Regional 4.358,06 4.358,06
Contribuições de FILIADOS ESPECIAIS – 50% Regional 94,27 94,27
1.2 – Deduções da Receita Bruta -5.747,28 -5.747,80
5% Reserva p/ Contingência (5.747,28) (5.747,80)
2 – Despesas Operacionais   98.409,22 127.256,57
2.1 Pessoal 42.346,08 37.458,86
Salários 10.723,71 8.522,68
13º salário 3.702,30
Férias 2.193,96 3.978,34
INSS 5.110,11 4.407,77
FGTS 1.603,17 1.961,41
PIS s/ Folha de Pagamento 200,39 172,86
Assistência Médica 6.888,49 6.546,65
Vale Refeição 3.709,88 3.533,88
Vale Transporte 907,28 755,63
Horas Extras 636,22
Descanso Semanal Remunerado 381,72
Faculdade Funcionários 354,44 354,44
Adic Tempo Serviço – Anuênio 1.812,50 1.359,61
Previdencia Privada 1.338,69 1.113,86
Comissões 3.801,16 3.733,79
2.2 – Instalações 7.434,69 6.146,84
Aluguel de Bens Imóveis 1.260,00 1.260,00
Condomínio 2.745,30 1.782,30
Energia Elétrica 759,96 712,77
Depreciação s/Bens Móveis 1.312,73 1.232,70
Manutenção Conservação Predial 690,00 490,00
Manut. Cons. Maq/Mov/Equip. 35,00
Material de Limpeza 79,03 116,40
Depreciação s/Bens Imóveis 552,67 552,67
2.3 – Funcionamento 4.567,54 3.346,91
Telefone Convencional 334,12 492,85
Telefones Celulares 1.323,67 1.159,03
Internet 535,35 413,13
Conduções e Transportes 233,00 107,00
Viagens – Hospedagens 745,70
Viagens – Alim/Telef/Condução 500,00
Alimentação 894,80 227,00
Locação Equipamentos/Salas 400,00 400,00
Pedágios e Estacionamentos 89,00 36,00
Fretes e Carretos 11,90 11,90
2.4 – Administrativas 1.424,51 860,14
Despesas Judiciais 740,13 615,13
Cantina, Copa e Cozinha 654,38 215,01
Despesas Diversas 30,00 30,00
2.5 – Serviços de Terceiros Especializados 18.193,25 20.013,41
Assessoria Jurídica 8.219,25 8.219,25
Assessoria Contábil 1.908,00 1.908,00
Assessoria Sindical 8.066,00 8.066,00
Prestação Serv Terc Pes Física 1.516,86
INSS – Terceiros 303,30
2.6 – Despesas Com Dirigentes 23.656,95 23.656,95
Remuneração do Presidente Regional 13.101,80 13.101,80
Representações (Verbas para Diretores Regionais), conforme votação eletrônica de 31/8/2011 e  Ata de Reunião Ordinária do CR-DF-006/2011 de 21/9/2011 10.555,15 10.555,15
2.7 – Despesas  Financeiras 276,20 325,02
Despesas Bancárias 276,20 325,02
2.8 – Assembleias –   642,00
Locação de Móveis e Equipamentos 532,00
Locação de Veículos 30,00
Material p/ Copa/Cantina 80,00
2.9 – Outros Eventos 510,00 34.806,44
Homenagens e Comemorações 510,00 34.806,44
     
3 – Resultado Operacional = (1 – 2)  10.789,18 (18.048,40)
     
4 – Resultado Financeiro  15.446,48 14.455,32
Rendimentos de Aplicações Financeiras 15.446,48 14.455,32
5 – Resultado Operacional e Financeiro = (3 + 4) 26.235,66 (3.593,08)
     
6 – Ajustes no Período (adequação do regime de competência para caixa) 4.864,97 9.966,48
Créditos a Receber e Bens  (1.846,55) (2.892,77)
Adiantamentos a Funcionários (3.701,43) (1.717,78)
Adiantamentos de Terceiros (453,13) (520,73)
Adiantamentos Concedidos ao Sinal Nacional 2.308,01 (654,26)
Obrigações e Patrimônio Social   6.711,52 12.859,25
Obrigações Trabalhistas e Tributárias 1.291,78 5.142,82
Reserva para Contingência a Destinar 5.747,28 5.747,80
Outras Obrigações (327,54) 1.968,63
7 – Bens do Ativo Imobilizado 1.865,40 1.785,37
Depreciação de Bens 1.865,40 1.785,37
8 – Resultado Operacional e Financeiro Ajustado = (5 + 6 + 7) 32.966,03 8.158,77
9 – Disponibilidades Anteriores 2.969.072,06 3.002.038,09
10 – Disponibilidades Finais = (8 + 9) 3.002.038,09 3.010.196,86
Banco do Brasil 0,00 0,00
Banco do Brasil-RF CP 30 MIL 267.491,24 262.915,76
Banco Santander  – Conta Corrente 589,08 589,08
Banco Santander – Aplic.Fundo Premiuncredi 2.231.317,85 2.242.257,37
Aplicação Forte RDC – Cooperforte 501.354,20 503.611,06
Fundo de Caixa 1.285,72 823,59

Prezados (as) colegas,

O presente demonstrativo, relativo ao mês de novembro de 2018, é um relatório financeiro gerencial que tem o objetivo de informar nossas disponibilidades no início do período, os ingressos havidos e as despesas realizadas no mesmo, resultando nas “Disponibilidades Finais” apresentadas.

Quanto às receitas operacionais, consideradas todas as contas de receitas, houve acréscimo de 0,01%, causado principalmente, por ajustes em lançamento feitos pelo Depes na folha de pagamento, que apresentou aumento de 0,01%. O quadro de filiados, que em outubro/2018 totalizava 1.408 filiados, em novembro, teve a seguinte movimentação: 1 filiações e 6 desfiliações, totalizando 1.403 filiados, cujo impacto financeiro ocorrerá somente em dezembro/2018.

As receitas financeiras apresentaram decréscimo de 6,42%, explicado, principalmente, pela queda de 9,12% na taxa CDI de novembro (0,4935%), comparada a outubro (0,5430%). As aplicações financeiras apresentaram o seguinte quadro: 8,73% das disponibilidades (aplicação do excesso de caixa em fundo com resgate automático) no Banco do Brasil, Fundo RF DI 30 Mil, que apresentou rentabilidade de 0,4120%, correspondente a 83,49% da taxa CDI média de novembro; 16,73% das disponibilidades na aplicação Forte RDC – Recibo de Depósito Cooperativo, apresentou rentabilidade de 0,4502%, correspondente a 91,23% da taxa CDI de novembro; enquanto que o Fundo Santander FIC YIELD VIP REF DI CP, onde está aplicada a maior parte de nossos recursos (74,49%), apresentou rentabilidade de 0,4903%, perfazendo uma remuneração de 99,35% da taxa CDI média mensal de novembro (0,4935%).

As despesas operacionais tiveram um acréscimo de 29,31% em novembro, explicado pelo crescimento sazonal de despesas apresentado nos seguintes grupos: Despesas com Serviços de Terceiros Especializados, acréscimo de 10%, devido, principalmente, ao pagamento de 7 músicos e 2 monitores que prestaram serviço por Recibo de Pagamento a Autônomo – RPA (e respectivos encargos), na festa de aniversário de 30 anos do Sinal, que ocorreu dia 10 de novembro de 2018, no espaço Varandas, no Park Way.; Despesas com Assembleias, acréscimo de 100%, devido, principalmente, aos gastos com infraestrutura para realização de AGN e AGR no dia 22 de novembro de 2018, no 2º subsolo Ed. Sede do Banco Central; Despesas com Outros Eventos, acréscimo de 6.724%, devido, principalmente, ao cômputo da maior parte dos gastos realizados com a infraestrutura da festa do Sinal (contratação de buffet; aluguel de salão de festas; decoração do ambiente; show de mágico; serviços de fotógrafo; aquisição de itens para ornamentação; divulgação do evento; locação de brinquedoteca e equipamento para sonorização; aquisição de chope, vinhos e espumantes).

As contas que apresentaram decréscimo relevante foram: Despesa com Pessoal, decréscimo de 11,54%, devido, principalmente, à redução na despesa com salários, ocasionada pelo não cômputo de acerto retroativo, como ocorreu no período anterior, ao não pagamento de férias de um dos colaboradores, como no período anterior, ao não pagamento de verbas rescisórias, como aconteceu no mês anterior devido à aposentadoria da funcionária Fátima Reis, à redução na despesa com plano odontológico que se deu pela regularização da Amil ao enviar os boletos dentro da mesma competência, à redução na despesa com vale alimentação ainda que no mês anterior tenha sido reajustado e ao cancelamento do plano de previdência administrado pela BrasilPrev referente à funcionária Aparecida Godinho, que, após 5 anos afastada para tratamento de saúde, se aposentou; Despesas com Instalações: decréscimo de 17,32%, devido, principalmente, ao término do pagamento das taxas extras de condomínio das salas utilizadas pela sede do Sinal-DF e à redução nos lançamentos de depreciação patrimonial que ocorreu nas despesas de Bens Móveis, nos itens de informática, computadores e periféricos; Despesas com Funcionamento, decréscimo de 26,72%, devido, principalmente, à redução nos gastos com telefonia celular e pela não ocorrência de viagens, como no período anterior; Despesas Administrativas, decréscimo de 39,62%, devido, principalmente, à redução apresentada nos gastos com custas judiciais e material de copa e cozinha.

Os demonstrativos contábeis (Razão Analítico – Nível 5 e Balancete Mensal) e as notas fiscais estão disponíveis para consulta, em área restrita a filiados. O Sinal-DF terá grande satisfação em esclarecer dúvidas e apreciar sugestões oferecidas pelo e-mail sinaldf@sinal.org.br.

Atenciosamente,

Rita Girão Guimarães                                     Gregório Alberto Saiz Lopes
Presidente Regional                                        Diretor Financeiro

1.392 FILIADOS EM BRASÍLIA

Edições Anteriores