Edição 0 - 16/02/2005

COMUNICADO-MANIFESTAÇÃO

Foi anunciado em vários periódicos de ontem, que entidades de trabalhadores preparam para hoje uma manifestação de protesto, pelo fato do Brasil praticar as taxas de juros mais elevadas do mundo, a ser realizada em frente à representação do Banco Central, em São Paulo, na Avenida Paulista, aproveitando a realização da reunião do Copom, em Brasília, quando, segundo estimativas do mercado, a taxa de juros deverá subir 0,50 ponto porcentual.

Sobre esse assunto, o funcionalismo do Banco Central,  na última Assembléia Nacional Deliberativa do SINAL, ao tratar do tema Autonomia e Independência do Banco Central, aprovou proposta para que a definição da missão do Banco Central mude de "Assegurar a estabilidade do poder de compra da moeda e a solidez do sistema financeiro nacional" para "Garantir a estabilidade da moeda com desenvolvimento econômico e social, a solidez do sistema financeiro nacional e a proteção da economia popular".

O funcionalismo do Banco Central do Brasil entende que este é o princípio que deve nortear as decisões da diretoria do BC e, por conseguinte, do Copom, na aplicação dos instrumentos de política monetária.

SINAL – Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central  

Conselho Regional /SP

16/02/2005

Edições Anteriores RSS