Edição 0 - 14/05/2007

SINAL-SP INFORMA nº 134, de 14/05/07: Momento crucial da greve / A greve em SP dia 14/05 / …

 

 SINAL-SP INFORMA

São Paulo, 14 de maio de 2007 – nº 134

 

 

MOMENTO CRUCIAL DA GREVE

A categoria, mais uma vez unida em torno do resgate da valorização de suas carreiras, reabriu negociação com o governo. Nesta terça-feira, 15/05, às 17h, no Ministério do Planejamento, as entidades sindicais sentar-se-ão com a direção do BC e o Secretário de RH do MPOG para rediscutir a nossa recomposição salarial.

Muito se especula a respeito do possível saco de maldades que poderá ser apresentado pelos interlocutores do governo, entretanto, só nos resta, agora, nesta fase de negociação, aguardar a nova proposta que deverá nos ser apresentada para, então, todos juntos, redefinirmos os rumos do movimento.

Ao colega indeciso, o SINAL convida a aderir à importante luta, sem a qual andaremos, todos, rumo ao desmonte do BC.

Este momento é decisivo. A greve é nosso instrumento com maior poder de coerção sobre o Governo. Não hesite, colega, em aderir a esta legítima causa pelo reconhecimento da importância do Banco Central e do trabalho dos seus servidores.

A categoria está em greve. E você?

Conselho Regional do Sinal-SP

 

A GREVE EM SÃO PAULO

A greve continua forte, nesta segunda-feira, 14/05, com nível de adesão acima de 70%. Na assembléia informativa realizada de manhã, contamos com a presença do deputado Ivan Valente (PSOL-SP) que, juntamente com outros parlamentares, vem dando apoio ao nosso movimento pela recomposição salarial. Em seu discurso na assembléia (*), o deputado, ao tempo em que reafirma sua convicção quanto à absoluta justeza de nossa luta, considera imprescindível a manutenção forte da greve, tendo em vista a disposição do governo de querer tirar recursos dos servidores públicos a favor do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).   

Segundo o parlamentar, a negociação do governo com o pessoal da Polícia Federal, prevista para hoje, é um fato importante a considerar para os próximos passos do nosso movimento.

(*) Fotos: clique em [ 1 ] e [ 2 ]

 

FUNCIONALISMO APOSTA NA UNIÃO E REJEITA DIVISIONISMO

Agora que estamos próximos do momento decisivo, depois de termos percorrido um caminho árduo, não podemos permitir que reduzidos focos de divisão cresçam e acabem por fazer o jogo do governo na reta final da negociação.

Propostas que defendem interesses de grupos não podem se sobrepor à decisão majoritária do funcionalismo do Bacen que já decidiu que a proposta apresentada na Mesa, apesar de insuficiente, tem aspectos positivos para o conjunto dos funcionários e que deve ser centrado fogo, principalmente, na antecipação dos prazos. O Rio, por unanimidade, São Paulo e diversas regionais, já tomaram essa decisão nas assembléias de 26.04 pp.

Não é admissível que às vésperas da reunião, conquistada com a força da nossa greve, uma minoria de colegas ainda fique propondo alterações estruturais na tabela, o que pode levar tudo à estaca zero, ou mesmo tentando realizar "negociações paralelas", minando o movimento e "entregando o ouro ao bandido". Fariam melhor se estivessem aumentando a mobilização e lutando pela unidade.

O funcionalismo carioca, assim como a maioria dos que estão na luta pela recomposição salarial, rejeita qualquer tentativa de reabertura unilateral de discussão das tabelas e confia que seus representantes na Mesa saberão respeitar os legítimos anseios da categoria, sepultando tentativas minoritárias de divisão do nosso movimento.

Fonte: Apito Carioca, 14/05/07

 

PLANEJAMENTO E POLICIAIS TÊM MAIS UMA REUNIÃO NESTA SEGUNDA-FEIRA

O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão confirmou para segunda-feira, 14, às 17h a segunda reunião com a Federação Nacional dos Policiais Federais e as demais entidades representativas de classe do DPF. No encontro, o governo deve apresentar sua posição em relação à contraproposta feita pelos policiais federais para o pagamento da segunda parcela do reajuste salarial da categoria.

A contraproposta da Federação Nacional dos Policiais Federais e das demais entidades dividiu o pagamento da segunda parcela em três partes. A primeira parcela retroativa a janeiro; a segunda no mês de maio deste ano e a terceira e última em janeiro de 2008.

A expectativa do presidente da Fenapef, Marcos Vinício Wink, é de que o governo aceite a proposta dos policiais federais, já que a apresentada pelos técnicos do Planejamento e da Justiça desagradou a toda a categoria. "Demos um voto de confiança ao governo e esperamos que ele encontre um bom termo para honrar o compromisso assumido conosco", diz Wink.

Fonte: Agência Fenapef

 

REDE CONVENIADA DE DESCONTOS

Ingressos de Cinema:

Unibanco Arteplex SP – Dispomos de convites pelo preço de R$ 9,00, com prazo de validade até 23/08/07. O convite deve ser trocado por ingresso na bilheteria dos cinemas, no Shopping Frei Caneca – Rua Frei Caneca. 569, 3º piso. Consulte aqui a programação.

Rede CinemarkRede Cinemark – Não dispomos de convites, no momento.

 

 

SINAL – Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central

Rua Peixoto Gomide, 211 – São Paulo (SP) – Cep 01409-001

Tel/Fax: 3159-0252 / e-mail: sinalsp@sinal.org.br

 

Edições Anteriores RSS