Edição 405 - 04/08/2004

A GREVE NO BANCO CENTRAL (Boletim nº 405)

A GREVE NO BANCO CENTRAL:

O FUNCIONALISMO DEU SEU RECADO AO GOVERNO

Ontem, os servidores do Banco Central realizaram um dos maiores movimentos da hist¢ria da Institui‡Æo. De norte a sul do Pa¡s, o funcionalismo parou os trabalhos para deixar claro ao governo que nÆo concorda com as propostas at‚ agora colocadas na mesa de negocia‡äes. A adesÆo maci‡a … greve, superando todas as dificuldades e estabelecendo a unidade e disposi‡Æo de luta, significa um claro recado ao governo de que o funcionalismo do Banco Central nÆo aceita ser tratado como categoria de segunda classe.

 preciso agora que a dire‡Æo do BC e o governo apresentem uma proposta de PCS que atenda …s nossas reivindica‡äes.

Durante esses meses de negocia‡Æo, o SINAL tem envidado muito esfor‡o para construir uma proposta que seja minimamente aceit vel pelos servidores, apesar das limita‡äes impostas pelo governo. At‚ agora,ÿa resposta do governo traduz-se em insensibilidade at‚ mesmo descaso para com a aflitiva situa‡Æo da categoria.

Nesse quadro de intransigˆncia do governo, a greve tornou-se inevit vel, servindo para demonstrar a unidade da categoria em seu prop¢sito de conquistar uma remunera‡Æo digna e … altura de sua qualifica‡Æo.

AmanhÆ, quinta-feira,ÿ haver  nova rodada de negocia‡Æo.

Esperamos que essa reuniÆo seja mais produtiva e represente avan‡os para a solu‡Æo desta campanha salarial. Em caso contr rio, j  demos mostras que temos capacidade de nos organizar, reagir e lutar.

O funcionalismo do BC e seu sindicato sabem da importƒncia da categoria para a sociedade brasileira, nÆo somente pelas fun‡äes exercidas pela Institui‡Æo como tamb‚m pela qualifica‡Æo exigida para o desempenho dessas fun‡äes. O governo precisa reconhecer esse fato e traduzir esse reconhecimento num Plano de Cargos e Sal rios justo.

Ao mesmo tempo em que devemos nos sentir orgulhosos pela greve forte e organizada que realizamos, precisamos continuar alertas e unidos at‚ o final da campanha salarial.

Conselho Regional do SINAL-SP

Edições Anteriores RSS