Edição 73 - 26/09/2005

SE O GOVERNO LIBEROU R$ 500 MILHÕES PARA PARLAMENTARES, TEM DINHEIRO PARA O PCS TAMBÉM!

Como sempre, a primeira coisa que o governo alega quando solicitamos reajuste é que não há recursos. Na última reunião, realizada em 22 de setembro, foi dito que só havia cerca de R$ 60 milhões e mais nada. Mas, nesta semana, o próprio governo mostrou que há muitos recursos, pois liberou R$500 milhões para as emendas de parlamentares.

A grande pergunta é a seguinte: por que sempre o governo fala que não tem dinheiro e, na hora do aperto, o dinheiro sempre aparece? Na realidade, os recursos só vão aparecer quando houver pressão. Se nós queremos um PCS melhor do que aquela merreca apresentada pelo governo em 22 de setembro, temos que fazer bastante pressão através de nossa greve. O dinheiro, como sempre, vai aparecer…

ONDE ESTÃO OS COMISSIONADOS DA ADRJA?

Em todo o País, a greve do BC está forte. Em Brasília e em diversas regionais, os comissionados estão aderindo com bastante força. Contudo, aqui no Rio de Janeiro, os comissionados estão, em sua maioria, trabalhando. Por que eles não fazem como os comissionados de Brasília e das outras regionais, demonstrando coesão e força na nossa greve? Será que os comissionados do Rio acreditam que o aumento das comissões já está garantido? Não está, não! O governo pode, a qualquer tempo, desistir do aumento das comissões ou recuar da sua proposta inicial.

O SINAL-RJ, através deste Apito Carioca, faz um apelo a todos os comissionados do Rio de Janeiro que ainda não aderiram ao movimento no sentido de se juntarem aos grevistas e lutarem pelos salários e benefícios de todos. Haverá uma reunião de negociação entre o SINAL e o governo amanhã, em Brasília, às 10h. Por isso, o incremento da nossa mobilização hoje e amanhã é fundamental para pressionarmos o governo e conseguirmos mais recursos.

Edições Anteriores RSS