Edição 0 - 30/01/2008

SINAL-SP INFORMA n° 219, de 30.01.08: Contatos com a imprensa / Saiu na imprensa / Classificados / Rede conveniada

 

 SINAL-SP INFORMA

São Paulo, 30 de janeiro de 2008 – nº 219

 

   

 

CONTATOS COM A IMPRENSA

Carta encaminhada pela assessoria de imprensa do SINAL-SP, no dia 30/01/08, ao Jornal Valor Econômico, em resposta ao texto "Governo paga salários mais elevados que setor privado", de autoria de Sergio Lamucci, publicado no dia 28/01/08:

A/c – Manuela Rahal – Carta ao Leitor

Remuneração no serviço público

Ao analisar números da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) de 2006 fora de seu contexto, a matéria "Governo paga salários mais elevados que setor privado", publicada no dia 28 de janeiro, peca pela simplicidade. Se tivesse investigado a razão pela qual o funcionalismo público é mais bem remunerado que os trabalhadores da iniciativa privada, a reportagem teria constatado que o diferencial decisivo está no quesito qualificação. Para entrar no serviço público, o candidato precisa demonstrar alto grau de preparo e de capacitação técnica exigidos nos concursos. Já na iniciativa privada, há espaço até para a mão-de-obra desqualificada.

Além disso, se a reportagem cita as vantagens de ser funcionário público (estabilidade e perspectiva de aposentadoria diferenciada), ignora as desvantagens: não há FGTS – o que dificulta o financiamento imobiliário – nem participação nos lucros – os bancos privados vão distribuir R$ 3 bilhões referentes a 2007; o desconto para a aposentadoria é sobre o salário integral; e a categoria não tem data-base, o que a obriga a submeter-se a três greves anuais, a primeira para abrir as negociações com o Governo, a segunda para fechar um acordo em bons termos e uma terceira para que o Governo cumpra o que foi acordado.

Sinal – Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central

Conselho Regional de São Paulo

Paulo Lino Gonçalves

Presidente em exercício

 

SAIU NA IMPRENSA

O DIA Online

Djalma Oliveira

29/1/2008

Coluna do Servidor: Esforço para cumprir acordos

Rio – O governo tem a intenção de cumprir os acordos já fechados de reajuste dos servidores federais ainda este ano. Mas, até segunda ordem, todos estão suspensos, e a definição só sairá após a reestruturação do Orçamento da União em virtude da queda de arrecadação causada pela perda da CPMF. Ignorar o que já foi acertado, fruto de longas negociações, e ter que reiniciar as conversas com servidores mais desconfiados não é uma boa idéia, na avaliação do ministro do Planejamento, Paulo Bernardo.

Uma das alternativas é fazer uma readequação das datas de repasse dos reajustes, adiando seu início dos pagamentos para reduzir o peso no Orçamento. Essa proposta já foi apresentada pelos sindicatos. Os aumentos seriam pagos aos poucos, conforme a disponibilidade de recursos.

Números oficiais dão conta de que a despesa anual com todos os reajustes já acertados será de R$ 7,4 bilhões. Algumas categorias já têm negociações fechadas: policiais rodoviários federais, fiscais agropecuários, técnicos e professores de Instituições Federais de Ensino Superior e servidores do Ministério da Cultura, Banco Central, Advocacia Geral da União e Datasus, órgão que processa dados do Sistema Único de Saúde.

 

CLASSIFICADOS

Vendo apartamento nos jardins – Alameda Franca

2 por andar, área útil 228 m2, 3 dormitórios, 1 suíte, armários embutidos, cozinha e despensa Kitchens, 2 vagas na garagem – R$ 500.000,00. Tratar com Leda [cel. (11) 9163-9026] ou Mariangela [(11) 3491-6925].

 

REDE CONVENIADA DE DESCONTOS

Loja virtual:

Lojas Americanas – Empresa que vende uma gama de produtos, a preços competitivos, com descontos de 20% até 50% do preço praticado em lojas. O Sinal já repassou à empresa o nome (e apenas o nome) de todos os filiados; entretanto, para ativar a consulta aos produtos oferecidos, o(a) filiado(a) deve se cadastrar em seu portal, atentando para os seguintes detalhes, na primeira vez:

Preencher, com todas as letras em maiúsculo, apenas os campos "código da empresa" e "código de ativação". No "código da empresa", escrever a palavra SINAL, e no "código de ativação" o nome completo do(a) filiado(a), sem acentuação e sem cedilha;

Na tela seguinte, preencher apenas o campo "INFORME SEU CEP" e clicar em "Prosseguir" etc.

Em caso de dificuldade, favor entrar em contato com o Sinal (vide telefone abaixo) e falar com Adailza.

 [[]]

Ingressos de Cinema:

Unibanco Arteplex SP – Dispomos de convites pelo preço de R$ 9,00, com prazo de validade até 14/04/08. O convite deve ser trocado por ingresso na bilheteria dos cinemas, no Shopping Frei Caneca – Rua Frei Caneca. 569, 3º piso. Consulte aqui a programação.

Encomende seus convites por telefone, até às 16h.

 

SINAL – Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central

Rua Peixoto Gomide, 211 – São Paulo (SP) – Cep 01409-001

Tel/Fax: 3159-0252 / e-mail: sinalsp@sinal.org.br

 

Edições Anteriores RSS