Edição 5 - 04/07/2011

Prédio da Gamboa 2

 

 

Sinal solicita ao DEMAP, abertura de reuniões
 com servidores da ADRJA
Intenção da direção do BC  é transferir todos para o prédio da Gamboa
Na última 6ª feira, ocorreu a reunião do Sinal–RJ com representantes do DEMAP, o Chefe do Departamento, Sr. Antonio Carlos Mendes de Oliveira, e o arquiteto, Sr. Jorge Luis Ferreira, e com o Gerente da ADRJA, Sr. Felipe Beer Frenkel, para tratar do projeto do prédio do BC na Gamboa. O SINAL informou inicialmente que a disposição da maioria dos servidores do MECIR é favorável a ida para o novo prédio, enquanto na ADRJA, o sentimento majoritário era contrário a essa mudança.

A seguir, os  representantes do DEMAP fizeram uma apresentação ilustrada do projeto arquitetônico e urbanístico do prédio do BC, com as novas instalações e itens ligados à questão de qualidade de vida no trabalho. Essa mesma apresentação ilustrada já foi feita anteriormente aos servidores do MECIR.

A apresentação, ainda limitada ao gabarito original que contempla apenas o Mecir e o Caixa Forte, é  o projeto que atualmente é assumido pela direção do BC. Segundo os representantes do Demap, a intenção da direção do BC é transferir todos os servidores para o novo prédio ( Mecir e ADRJA), mas isso só poderá ser assumido formalmente após a aprovação legal do novo gabarito,  o que deverá ocorrer certamente, pois o Prefeito Eduardo da Costa Paes tem hoje o apoio de mais de 70% dos votos da referida casa legislativa.

O SINAL destacou que existe uma grande falha na comunicação do Banco sobre esse assunto, o que contribui para indefinição de questões ligadas ao entorno do novo prédio, particularmente, itens como:

Segurança – o prédio ficará ao lado de uma favela com longa tradição de violência decorrente da presença do tráfico de drogas;
Acesso – os novos modais de transporte, provavelmente, não estarão prontos quando da eventual mudança do BC, em 2014, e assim os funcionários ficarão cercados por um imenso canteiro de obras;
Serviços – o novo prédio não terá nas proximidades, pelo menos nos primeiros anos, pontos de comércio e serviços (farmácias, bancos, correio, etc) dificultando sobremaneira o dia a dia dos servidores.
O SINAL – RJ reiterou que defende a transferência apenas do prédio do MECIR , pois seu centenário prédio não tem mais condições de uso, e que é contra a transferência do prédio da ADRJA, por considerar que o prédio atual tem diversos pontos positivos que devem ser levados em consideração, além do interesse dos servidores em permanecer no atual local de trabalho.
Sobre esse tema, os representantes do DEMAP apresentaram um estudo orçamentário, segundo o qual a recuperação/manutenção do prédio da ADRJA sairia mais cara do que o custo de ampliação de três para sete  andares do novo prédio da Gamboa, e informaram ainda que o prédio atual do BC poderá ser vendido ou entregue à SPU (Secretaria de Patrimônio da União) que poderá repassá-lo a outras instituições do governo.
O Sinal-RJ solicitou, em nome da transparência,  que fosse estendida a todos os servidores da ADRJA a apresentação do projeto arquitetônico e urbanístico do prédio do BC , assim como a abertura de reuniões para que esse assunto seja tratado coletivamente, particularmente, com relação à alegada inviabilidade orçamentária de recuperação do atual prédio da ADRJA.
Os representantes do DEMAP se comprometeram a realizar tais reuniões com o funcionalismo carioca, logo após a aprovação, na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, do Decreto Lei que altera o gabarito do prédio do BC.
Ao final da reunião foi entregue aos representantes do DEMAP um documento do SINAL que solicita a preservação e a ampliação dos espaços destinados à Qualidade de Vida no Trabalho no BC.
 

 


 Agenda do SINAL-RJ

Reunião do Grupo do Rio do PASBC – todas as 4ª. f., às 10h,aberta a participação dos filiados

Reunião do Grupo de QVT do SINAL Rio 18/07 às 12h- aberta a participação dos filiados

Organização do Encontro: "EM DEFESA DO SERVIÇO PÚBLICO" no RJ, 11/7, ADRJA: com parlamentares e sindicalistas.

Reunião no MPOG – 05/07  3ª. feira Pauta: Campanha Salarial para as Carreiras Típicas de Estado

Edições Anteriores RSS
COMPARTILHAR
Matéria anteriorCONVITE
Matéria seguinteEm Defesa do Serviço Público