Edição 29 - 29/03/2012

Projeto da Gamboa não foi votado

Projeto da Gamboa não foi votado.
 

Líder do Governo na Câmara Municipal do RJ adiou votação por 3 sessões legislativas

Dando prosseguimento à luta pela não aprovação do PLC 47/2011, que amplia o gabarito  de construção apenas para o terreno onde o BC constrói sua nova sede na Gamboa, o SINAL-RJ esteve presente nessa 3ª  feira, 27.4, durante a sessão da Câmara Municipal onde o projeto seria votado em primeiro turno, representado pelo Presidente Regional, João Marcus e pelo Diretor de Externas, Laerte Porto. 

Em função da pressão exercida nas últimas semanas pelo Sinal e pelos servidores do BCB/RJ, para a não aprovação desse projeto – um gasto desnecessário aos cofres públicos de cerca de R$40 milhões – o vereador Adilson Pires, líder do governo na Câmara Municipal, pediu o adiamento por 3 sessões legislativas, o que, na prática,  pode significar 2 semanas de adiamento.

Segundo informações recebidas, um dos motivos para o adiamento seria a necessidade da liderança em “… discutir melhor o projeto com a bancada governista”.

O Sinal-RJ vai manter a ação junto a Câmara de Vereadores e já solicitou uma audiência com o líder, Vereador Adilson Pires, para demonstrar o absurdo em aprovar esse projeto.

O Sinal-RJ solicita a todos os servidores a ampliação do envio de mensagens contrárias a aprovação do PLC 47/2011 aos vereadores cariocas, pois uma grande quantidade delas pode fazer a diferença na hora da votação, visto estarmos em ano eleitoral.   

Embora  o Prefeito tenha maioria na Câmara, a razão está do nosso lado e ainda é possível virar esse jogo, mas depende que cada um faça a sua parte. 

Clique aqui, copie o endereço eletrônico dos vereadores do RJ e envie a sua mensagem.

Segue abaixo, a resposta do Vereador Carlos Caiado(DEM-RJ), encaminhada a vários servidores do BCB:

 

Amigo,

A apresentação do PLC 47/2011 foi iniciativa do Poder Executivo, em acordo com as diretrizes estabelecidas na Lei Complementar n° 101/2009, aprovada na Câmara Municipal, que trata da revitalização da Zona Portuária da Cidade.

Particularmente não vejo o PLC 47/2011 como boa iniciativa, visto que seus argumentos são frágeis, e me parecem em desacordo com os anseios dos Servidores do BACEN.

Abraço,

Carlos Caiado

 

 

 

Edições Anteriores RSS