Edição 400 - 15/07/2004

A GREVE CONTINUA (Boletim n. 400)

A GREVE CONTINUA

Mais uma vez, o Governo adiou a reuniÆo de negocia‡äes marcada para ontem. Desta vez a desculpa foi que os representantes da Fazenda, do Planejamento e da Casa Civil, detentores do poder decis¢rio no processo, nÆo poderiam comparecer.

Outra desculpa foi que, com a aprova‡Æo da LDO – Lei de Diretrizes Or‡ament rias, pela Cƒmara dos Deputados, deveria haver reuniÆo, hoje, entre o Ministro do Planejamento e os demais membros de Governo, com o objetivo de definir a proposta relativa ao PCS do pessoal do BC e do Ciclo de GestÆo.

Assim, mais uma vez, o Governo usa de subterf£gios para protelar a discussÆo e o atendimento das nossas reivindica‡äes. Mais uma atitude desrespeitosa para com o funcionalismo do Banco Central. Um verdadeiro tapa na cara.

Prevendo isso, acertadamente, a assembl‚ia dos servidores do BC em SÆo Paulo j  havia decidido pela greve no dia de ontem.

Em busca de unificar e organizar nossa mobiliza‡Æo em todas as Regionais, o Conselho Nacional do SINAL decidiu encaminhar e apresentar a seguinte proposta, a ser votada na assembl‚ia nacional de hoje:

a)ÿÿ Para 15/7, quinta-feira, HOJE:

greve nacional de advertˆncia;

b)ÿÿ Para 19/7, pr¢xima segunda-feira:ÿ

assembl‚ia nacional para informes, avalia‡Æo e decisÆo quanto aos rumos do movimento, j  com o indicativo de greve por tempo indeterminado, a partir de 20/7, ter‡a-feira, caso o Governo nÆo apresente proposta ou, apresentando, seja considerada insuficiente.

Somente chegamos at‚ este est gio das negocia‡äes ap¢s dois dias de greve, que resultaram na reabertura das negocia‡äes ap¢s o famigerado "Reajuste Zero". E s¢ iremos adiante se nos posicionarmos firmemente contra os j  conhecidos truques de protela‡Æo do Governo. Aqui em SÆo Paulo j  demos demonstra‡Æo de que nÆo toleramos mais tanto desrespeito.

HOJE – GREVE

O FUNCIONALISMO EXIGE SERIEDADE NAS NEGOCIAیES

ASSEMBLIA ·S 9 HORAS

ÿ

Conselho Regional – SINAL/SP

Edições Anteriores RSS