Edição 156 – 13/09/2018

Marcha a Brasília: Fonasefe promove ato em defesa do serviço público


O Fórum das Entidades Nacionais do Servidores Públicos Federais (Fonasefe) realiza nesta quinta-feira, 13 de setembro, em Brasília, mobilização em que exige a revogação da Emenda Constitucional (EC) 95, que instituiu o Novo Regime Fiscal. Na prática, a EC 95 congelou, por vinte anos, os gastos do governo federal com suas despesas primárias, limitando-os ao realizado no exercício anterior, corrigido pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Importante salientar que os gastos com as despesas financeiras, como por exemplo para o pagamento da dívida pública, não sofrem nenhum tipo de restrição.

Uma carta aberta à população, assinada em conjunto com o Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate) será distribuída durante a marcha, da qual destacamos o seguinte trecho: “As consequências imediatas da EC/95 já se fazem sentir no cotidiano dos servidores públicos, com redução de cargos e postos de trabalho, redução de verbas para a garantia de funcionamento das instituições públicas e ainda levando a demissões de trabalhadores/as terceirizados/as. Para a população os efeitos são ainda mais perversos, com a redução de atendimentos em serviços básicos como saúde, educação, previdência social e justiça. Sem servidor público e sem estrutura para a realização dos serviços públicos, a população, em especial a mais pauperizada, tem suas condições de vida ainda mais afetadas”.

A Pauta Negocial 2018, a negociação coletiva, a data base, o direito de greve e a reforma da Previdência também fazem parte das reivindicações do Fonasefe. O Sinal que faz parte dos dois fóruns – Fonasefe e Fonacate – participará do ato. A concentração das caravanas que virão de todo o Brasil para a marcha, está marcada para as 14h, em frente ao Ministério do Planejamento, Bloco C, Esplanada dos Ministérios.

Vamos todos participar!

Juntos somos mais fortes!

Edições Anteriores