Edição 116 - 25/08/2003

PCS: AJUSTES NA CONTRAPROPOSTA, EM MOMENTOS DECISIVOS

Na quarta-feira, 13 de agosto, por considerarem insatisfatórias as tabelas que o governo formulara na sexta-feira anterior, os sindicatos elaboraram uma Nota T‚cnica, em contraproposta …quelas oferecidas.

Não tendo acontecido a reunião de terça-feira última, quando se esperava que os pontos da Nota fossem discutidos, o SINAL reiterou a solicitação dos sindicatos, reenviando-a aos membros do governo no Comitê através do senador Eduardo Suplicy (PT/SP), que se dispôs a encaminhá-la aos ministros responsáveis. Na quinta-feira 21, também, o SINAL procurou o senador Aloizio Mercadante (PT/SP) e informou-o das dificuldades do andamento do PCS, solicitando seu empenho para a celeridade de seu estudo.

Hoje, o Presidente do SINAL, Sérgio Belsito, foi informado pelo Diretor Fleury de que, … tarde, ele ter  um encontro no Ministério do Planejamento, de onde dever  trazer uma nova proposta ao funcionalismo baseada em ajustes feitos pelo governo na Nota Técnica dos sindicatos.

Dependendo da hora em que a reunião termine, talvez possamos divulgar alguma novidade, além do agendamento de uma reunião dos sindicatos com o Comitê até‚ quarta-feira.

 fundamental que alguma coisa aconteça no decorrer desta semana, porque, na sexta, o ministro do Planejamento, Guido Mantega, tem que apresentar ao Congresso o orçamento da União para 2004, no qual, esperamos, possa o PCS do Banco Central finalmente estar contemplado.

A expectativa ‚ grande e antiga. Mantenha-se atento … mobilização que se faça necessária, para exercer o seu direito de reivindicar !

Um salário justo e as melhores condições de trabalho: você esperava encontrar isso, quando se dispôs a fazer as duras provas de seleção do BC.

Lute pela valorização do seu trabalho !

Edições Anteriores RSS